Não digas nada, Mary Kubica

Opinião:
Mary Kubica, traz-nos uma narrativa repleta de mistério e acção, sobre uma família que, como (quase) todas as famílias, parece perfeita. 
As relações humanas estão no cerne deste enredo... todo ele é pautado por sentimentos profundos ou por falta destes! 
A autora, mostra-nos que a ausência de ligações para com os nossos mais próximos, podem desencadear acções contraditórias que podem ter efeitos desastrosos (ou não). 
Há, neste romance, um especial realce para o (frágil) poder que o ser humano tem sobre si mesmo. 
A escrita da autora é bastante cinematográfica, o que para mim foi bastante positivo, pois consegui visualizar muitas das acções como de um filme se tratasse! 
Mia Dannet, a personagem principal, é filha de um Juiz de renome, o seu rapto está directamente ligado à profissão do pai (pois assim parece). 
Confesso que a determinada altura andei às voltas a ver quem era o "culpado", mas fiquei muito longe de adivinhar! Kubica, brinca com as situações narradas e com o próprio leitor, causando assim a dúvida constante sobre o próximo passo das personagens e sobre o fim da história.

Gostei e recomendo!

Sinopse:
Um thriller psicológico intenso e de leitura compulsiva, Não Digas Nada revela como, mesmo numa família perfeita, nada é o que parece.
Tenho andado a segui-la nos últimos dias. Sei onde faz as compras de supermercado, a que lavandaria vai, onde trabalha. Nunca falei com ela. Não lhe reconheceria o tom de voz. Não sei a cor dos olhos dela ou como eles ficam quando está assustada. Mas vou saber.
Filha de um juiz de sucesso e de uma figura do jet set reprimida, Mia Dennett sempre lutou contra a vida privilegiada dos pais, e tem um trabalho simples como professora de artes visuais numa escola secundária. 
Certa noite, Mia decide, inadvertidamente, sair com um estranho que acabou de conhecer num bar. À primeira vista, Colin Thatcher parece ser um homem modesto e inofensivo. Mas acompanhá-lo acabará por se tornar o pior erro da vida de Mia.

1 comentários:

    Estou mesmo muito curiosa com esta obra. A sinopse é prometedora e as opiniões a que tivesse acesso têm sido todas muito favoráveis. Sem dúvida, que será das minhas próximas aquisições. :)

    Boas leituras

     

Blogger Templates by Blog Forum